24 de março de 2020

    1111 de setembro

    1111 de setembro Rubem Penz Sabe aquela tradicional pergunta do que você fazia quando recebeu a notícia da morte da…
    17 de março de 2020

    Nada será como antes, amanhã*

    Nada será como antes, amanhã* Rubem Penz Eu não tiro o pé dessa casa Qualquer dia a gente se vê…
    10 de março de 2020

    Nesta data querida

    Nesta data querida Rubem Penz – Parabéns a você… … Santa Sede! Mas vejo que erro ao falar assim –…
    3 de março de 2020

    Falência nossa de cada dia

    Falência nossa de cada dia Rubem Penz Fosse Porto Alegre um corpo, o encontro entre a Av. Ipiranga, a Antônio…
    25 de fevereiro de 2020

    A infalível teoria do dobro

    A infalível teoria do dobro Rubem Penz Avanços na saúde e bem estar elevam a expectativa de vida dos brasileiros. …

    textos + recentes

    • Legado das horas

      Número 461 Rubem Penz A Invenção de Hugo Cabret, baseado no livro homônimo de Brian Selznick e dirigido por Martin Scorsese, filme indicado para 11 categorias no Oscar de 2012,…

    • Vice-versa

      Número 460 Rubem Penz A certeza é um belo e perfumado jardim a ser cultivado com zelo e paciência. Canteiros milimétricos, harmonia de cores, poda, regador. Caminhos marcados por seixos,…

    • A rotina para além dos trilhos

      Número 459 Rubem Penz Hoje é sábado, amanhã é domingo A vida vem em ondas, como o mar Os bondes andam em cima dos trilhos Vinícius de Moraes Isso faz…

    • Fábula da Arte, do Sucesso e do Labor

      Número 458 Rubem Penz Era uma vez a velha Arte, o menino Sucesso e o jumento Labor. Eles precisavam ir até o Vilarejo do Bom Destino, em terras altas, para…

    • A noite em que choveu sapos

      Número 457 Rubem Penz Nos anos 1960, as praias em geral (e a Praia do Barco em particular) apresentavam-se às crianças como um lugar num só tempo perigoso e seguro,…

    • Depois dela, não apareceu mais ninguém?

      Número 456 Rubem Penz Nossos ídolos ainda são os mesmos Belchior As proféticas palavras de Belchior, amplificadas pela interpretação inigualável de Elis Regina, ecoam forte trinta anos depois da mais…

    • O politicamente correto é…

      Número 455 Rubem Penz O politicamente correto é um sutiã cuja presilha não abre, exigindo desculpas por tamanha inabilidade ao invés de arrancá-lo logo e de uma vez. Politicamente correta…

    • Reciclagem

      Número 454 Rubem Penz Ainda há quem se surpreenda com a alegria, com a esperança e com a generosidade dos despossuídos, em especial nessa época do ano. E considere um…

    • Fim do mundo

      Número 453 Rubem Penz Uma das maiores curiosidades nessa história de o mundo terminar em 2012 é o friozinho na barriga. Algo parecido com os instantes que antecedem o sorteio…

    Botão Voltar ao topo
    Fechar