Crônicas

Crônicas

Sobrancelhas

Sobrancelhas Rubem Penz O anjinho no ombro me assopra: desista, quem não tem, não deve falar sobre sobrancelhas. Bom, meu…

Leia mais »

Sete de setembro de 1990

Sete de Setembro de 1990 Rubem Penz Independência, diz a razão do feriado. Talvez por isso eu tenha um Sete…

Leia mais »

Caminhos de volta

Caminhos de volta Rubem Penz Desde que minha vida literária começou (dava para datar como 1999 e 2000 ao vencer…

Leia mais »

Meus olhos, minhas regras

Meus olhos, minhas regras Rubem Penz Meu amor, juro por Deus, me sinto incendiar Vinicius de Moraes Quanto mais a…

Leia mais »

Pegadas

Pegadas Rubem Penz Não é novidade para ninguém o sucesso de público para testemunhais inspiradores como as palestras TED e…

Leia mais »

Faixa de segurança

Faixa de segurança Rubem Penz Domingo passado, final da manhã, sozinho no carro, o sinal ficou vermelho bem na altura…

Leia mais »

Um triz

Um triz Rubem Penz É preciso um bocado de tristeza se não não se faz um samba bom Vinicius de…

Leia mais »

Naftalina

Naftalina Rubem Penz Quem olha a minha certidão de nascimento compreende a razão de eu desejar que as coisas sejam…

Leia mais »

Se persistirem os sintomas

Se persistirem os sintomas Rubem Penz Desde que foi instituída como norma para a propaganda de medicamentos, a frase “Se…

Leia mais »

Te considero!

Te considero! Rubem Penz Hoje estive pensando se há diferença entre amigos e amigos de bar. Lembrei suavemente de um…

Leia mais »
Botão Voltar ao topo