O fim da inocência

O fim da inocência Rubem Penz Oi, tum, tum, bate coração Oi, tum, coração pode bater Oi, tum, tum, tum, bate, coração Que eu morro de amor com muito prazer Cecéu Confesso ter levado um choque. Esperava por tudo – os pedidos de exames (muitos exames), a reprimenda por ter relaxado na rotina de caminhadas, …

O fim da inocência ler o texto »