24 de novembro de 2020

    Clarear

    Clarear RubemPenz Neste domingo, nossa manhã clareou como poucas vezes na vida. Sim, esteve inundada de luz, aquecida em medida…
    17 de novembro de 2020

    Espelho, espelho nosso

    Espelho, espelho nosso Rubem Penz “Crônica, a janela pela qual a literatura contempla o cotidiano” Moacyr Scliar Você já viu,…
    10 de novembro de 2020

    Derrotas e outras vitórias

    Derrotas e outras vitórias Rubem Penz “Eu nunca perco. Ou eu ganho, ou aprendo!” Nelson Mandela Perder é ruim. Incomoda,…
    3 de novembro de 2020

    Crônica com 15 epígrafes

    Crônica com 15 epígrafes Rubem Penz “Não, não parimos textos. São eles que nos fecundam” Gabriela Guaragna “Nada mais danoso…
    27 de outubro de 2020

    Tampa rosa em garrafa verde

    Tampa rosa em garrafa verde Rubem Penz Onde moro, a água que sai das torneiras tem qualidade espetacular e, por…

    textos + recentes

    • Número 202

      O BAILE Existem noites que, assim como gols, merecem uma placa de bronze. Verdadeiras honras ao mérito. Em meus carnavais, tive mais de um momento de exceção que ganharam, na…

    • Número 201

      PARIS, LIBERDADE E IGUALDADE Saiu no jornal: o Judiciário norte-americano condenou a milionária socialite Paris Hilton a três anos de liberdade vigiada. A sentença é devida ao crime de dirigir…

    • Número 200

      Primeiro havia as crônicas semanais e não havia um nome. Na semana 81, o batismo em homenagem ao lado baterista: Rufar dos Tambores. Agora, na aniversariante 200, a newsletter finalmente…

    • Quase pronto…

      Em fevereiro, a crônica número 200. Agora no Blogger.

    Botão Voltar ao topo